Amigo da História

  • Aumentar o tamanho da fonte
  • Tamanho padrão da fonte
  • Diminuir tamanho da fonte
Home Livros Quipu Homem e a Arma, O
Info: O seu browser não aceita cookies. Para colocar produtos no seu carrinho e comprá-los, precisa de activar os cookies.
PDFImprimirE-mail
Historiógrafos de Alcobaça, OsHomens, Espadas e Tomates

Homem e a Arma, O
Clique na imagem para ampliar


Homem e a Arma, O

Ref: RD8

Preço por Unidade (Unid.): € 17.50


A Humanidade no caminho da auto-extinçao?

Rainer Daehnhardt
Quipu
1ª Edição, Novembro 1999
Capa Dura
17,5 x 24,5 cm - 208 pp

Em todas a épocas e culturas, foi na criação da arma que o Homem sempre mostrou o mais alto grau da sua evolução. É nela que aplica todas as técnias ao seu alcance, tornando esta ferramenta o expoente máximo da sua vontade.

A arma ensina-nos a ver o homem em toda a sua complexidade!

Por um lado deseja possuir, neste objecto que mais o acompanha, algo de belo e admirável. Isto tanto diz respeito ao seu avanto tecnológico como à sua beleza estética. Por outro lado, vive na eterna busca da "super-arma" que lhe dará poder sobre todos.

Com a sua capacidade crescente de criar armas cada vez mais mortíferas que se usam a grande distância (até do espaço), já não se vê nem o inimigo, nem a arma com a qual destrói.

Assim perdeu o contacto, tanto com a arma, não se preocupando mais com a sua beleza estética, como com a realidade no campo de combate, não vendo o adversário ferido, não mais limpando a lâmina e guardando eternamente na sua memória a imagem do inimigo agonizante estendido à sua frente.

Perdeu-se qualque ligação com a realidade da guerra! Uma ordem dada ao telefone, alguém cumpridor que carregue no botão, e milhões de seres apagam-se. É esta a nossa realidade e há quem culpe as armas. Porém, as armas sozinhas não matam! O homem é quem mata ou dá ordem para matar!

A destruição de armas nada resolve. O problema é educacional e filosófico. Enquanto o homem não sentir vontade interior de fraternidade, de aceitação do direito à existência; enquanto não se convencer de que só ajudando os outros se ajudará também a si; enquanto não houver tolerância, não encontrará a direcção certa e auto-extinguir-se-á.

É nosso dever deixarmos um planeta em condilções para os nossos filhos! O que se vê, porém, é que se está a criar uma geração de crianças educadas no ódio e no materialismo. E a estes jovens sem ideais, sem alvos estimulantes na vida e sem compreensão para as mensagens transmitidas por filósofos e líderes religiososm vai-se dentro em pouco entregar a liderança deste planeta, dando-lhes também como ferramentas as armas mais sofisticadas que a Terra jamais viu. O que se torna necessário é acordar a tempo, fechar o diabo que se encontra dentro de nós e procurar seguir o rumo do Belo e do Bom.


Disponibilidade

Prazo de Entrega (aprox.):

5 dias


Comentários de Clientes:

Não existe qualquer comentário a este produto.
Por favor faça o seu LogIn para escrever um comentário.


Faixa publicitária

Loja Virtual


Todos os Produtos


Procura Avançada
Ver Encomenda
De momento, o seu carrinho de compras encontra-se vazio.

Artigos Maçónicos

Esquadro e Compasso

Showroom 360º

 

Outros Produtos

Palavras dos Clientes

Muito obrigado. Recebi encomenda. Bem-haja pela vossa prontidão no envio.

Evaristo Santos


Subscrever Newsletter

Email: *
Nome:

Inquérito

Acha que se justifica o showroom estar aberto de manhã?
 

Quem está em linha?

Temos 62 visitantes em linha

Visitas

1230603
desde 5 de Outubro de 2006

Showroom Amigo da História | Esquadro e Compasso na SIC Notícias